Posts by: Érica Bombardi

 

Gritos

Ainda na cama, esfrego os olhos. Vejo além da janela aberta que o céu noturno é claro. A noite imensa e clara, uma lua no céu, lua cheia. Desta...

Leia Mais

Vivo. Morto. X.

— Droga de joelho. Pisei em falso e quase caí. Desde o acidente não era mais o mesmo. Gostava de correr, andar de moto, zoar com o...

Leia Mais